Hero Quest

Sogoken 05/07/2017

Jogo de PC no Switch / Reservas do Snes Mini / Fumito Ueda quer mudar tudo / O risco de Cuphead

2017W27

Chegando com as notícias que me chamaram atenção da semana 27 de 2017


Jogos de Pc no Nintendo Switch


Andrew Sampson está criando uma aplicação que permite o jogador jogar jogos do computador diretamente no Switch.

A aplicação chamada Rainway permite que você jogue os jogos do seu computador, utilizando outro dispositivo, como por exemplo Ps4, Xbox One e dispositivos iOS e Android.

A única vantagem que eu vejo nisso, é se você está querendo ir no banheiro, e não quer parar a jogatina do PC, pode continuar jogando de um dispositivo portátil. Bom seria se desse pra jogar através da internet sem lag.

Andrew está bem confiante que a Nintendo aprovará sua aplicação na eshop. Mas se a Nintendo nem liberou ainda uma aplicação para transferência de saves, acho que deve demorar um pouco. Se bem que o pessoal da NeoGAF já hackeou o SDK do Nintendo Switch e encontraram essa funcionalidade lá. Quem sabe em breve.

Pc no Switch

A luta para reservar um Snes Mini


Quando o Nes Mini foi lançado, ele começou a ser vendido mais rápido que água no deserto, o que fez que muitas pessoas revendessem esse aparelho a preço de ouro.

Com o anúncio do Snes Mini, a galera já ficou esperta, e geral já fez sua reserva. Consequentemente se você tentar reservar uma unidade para você neste momento, em grandes sites como Amazon por exemplo, está esgotado!

Sabemos que muita gente que tinha interesse já comprou, mas também muita gente querendo tirar vantagem, comprando mais que uma unidade. Mas não se preocupem, a Nintendo já anunciou que reforçará a produção.

Outro ponto bacana de comentar, é que em entrevista com a Famitsu, a Nintendo comentou que escolheram os jogos, tendo como base o número de vendas e o sucesso de cada título, para chamar atenção do máximo de pessoas possíveis.

Isso é óbvio, mas o que não é óbvio é que ela adicionou vários títulos (Ex: Star Fox, Yoshi Island) que utilizam o Super FX, porque jogos com Super FX são difíceis de serem levados ao Virtual Console, e por isso eles evitam distribuir estes jogos por lá.

Lembramos que o Nintendo Mini não possui o chip Super FX, porque ele não passa de um emulador portátil. Mas o que me chama atenção é como a comunidade consegue criar um emulador que roda o Super FX, e o Virtual Console, desenvolvido por profissionais que foram pagos, não consegue.

Pre Venda Snes Mini

Fumito Ueda quer mudança


Recentemente Fumito Ueda, criador de jogos como Shadow of the Colossus, Ico e Last Guardian (pelo menos no início do projeto), disse em entrevista que seu próximo projeto será diferente dos outros títulos.

Fumito Ueda é um cara conhecido por fazer jogos que te passam emoção, mesmo sem falar nada, e sempre tem o mesmo feeling, e é exatamente por causa disso que hoje em dia ele virou a “celebridade” que é.

O fato de ele querer mudar pode dar muito certo ou muito errado. Nem todo mundo gosta de mudança, e nesse momento Ueda está fazendo algo muito similar ao Kojima. Considerando o patamar de ambos, tentar criar algo novo pode ser um novo boost na carreira, ou simplesmente um tiro no pé.

Nesse mesmo ritmo de mudança, Ueda, que está responsável pela supervisão do remake de Shadow of Colossus para Playstation 4, disse que quer efetuar algumas mudanças no projeto.

Imagino que seja porque hoje em dia temos muitos mais recursos do que tínhamos na época do Playstation 2. Até porque no projeto original, existiam mais Colossus do que existem na versão original. Outro rumor é que na versão original, Ueda queria fazer um mundo aberto, onde você pudesse escolher onde ir e contra quem lutar, e que poderia até mesmo encontrar 2 Colossus ao mesmo tempo e etc.

Bom, vamos parar de sonhar e ver o que o Ueda está preparando para nós. Pode ser tudo o que os fãs queriam, como pode ser nada especial.

Fumito Ueda

Criadores de Cuphead se arriscam para entregar o jogo


Chad Moldenhauer comentou em entrevista , que arriscaram muito para entregar o jogo que eles queriam.

O projeto inicialmente contava com 3 pessoas que trabalhavam no jogo somente nos finais de semana lá em 2010. Como eram somente 3 pessoas, eles sabiam que não tinha como adicionar muitos dos conceitos que eles tinham imaginado inicialmente.

Em 2014 quando eles apresentaram o jogo na E3, e viram a reação do público, eles decidiram apostar na ideia deles, e cresceram a equipe para trabalhar 100% no projeto. Então ele e seu irmão deixaram o emprego, pediram um empréstimo hipotecando a casa e segundo o próprio Chad, vão entregar um jogo muito próximo daquilo que eles tinham idealizado inicialmente.

Se esse jogo der errado (o que eu acho muito difícil), vai ser muito decepcionante para outros criadores de jogos eletrônicos, que também querem apostar nas suas ideias. E caso esse jogo fracasse, muitos outros jogos com um incrível potencial, continuarão enterrados no limbo.

Eu sinceramente espero que venha um jogão! Único ponto que encontrei que eles erraram, foi não providenciar uma versão para o Playstation 4. Mas vai saber que tipo de acordo eles fizeram com a Micro$oft.

Risco Cuphead

Bom acho que para essa semana isso seria tudo.
Até a próxima semana!

FacebookTwitterGoogleTumblrReddit